Veja essas dicas de manutenção para o Gerador de Energia em seu estabelecimento.

Os geradores de energia são equipamentos cada dia mais importantes nas operações de empresas de todos os segmentos e portes.

As operações são continuadas, na grande maioria, e em especial os servidores de dados, e é fundamental termos uma alternativa que mantenha o funcionamento das áreas da empresa, evitando assim prejuízos com atrasos na produção, e também protegem tecnicamente os equipamentos da empresa.

E como todo equipamento de alto valor agregado e importância na operação, precisamos observar e cobrar o uso constante das medidas de manutenção para:

  • Garantir que a vida útil do gerador de energia seja preservada.
  • Evitar ao máximo as falhas.

Os geradores de energia são equipamentos de alta performance que, se não trabalham em regime full time, precisamos estar preparados na hora de agir, ou perderão a sua função principal.

Muitas empresas não dedicam tempo para isto, correndo o risco de não ter o gerador funcionando numa queda geral de energia, prejudicando os negócios.

Dica 1 da manutenção do seu gerador: cuidado com poeira e umidade

Esses são dois grandes inimigos do bom funcionamento do gerador de energia e muitas empresas não dão a devida atenção.

A poeira e alguns resíduos podem se instalar em componentes e gerar superaquecimento e causar acidentes. Sobre a umidade, é fundamental que o equipamento esteja em local arejado e longe de chuva e vento. Ele pode instalar-se no tanque de combustível. Por este motivo é preciso ligar o gerador periodicamente.

É comum alguns geradores, por seu tamanho ou da área que ele abastece, serem instalados na área externa, ao ar livre. Neste caso o cuidado é redobrado, e recomenda-se protege-lo com uma cobertura ou com um gabinete especial.

Dica 2 da manutenção do seu gerador: não deixe o equipamento parado

Dependendo do local de trabalho e da intensidade de uso, alguns geradores trabalham por 24 horas e outros ficam longos períodos sem operar.

Neste segundo caso, é fundamental ligar o gerador 1 vez por semana.

Dica 3 da manutenção do seu gerador: cuidados diários são fundamentais

Além dos cuidados eventuais que destacamos anteriormente, existem os diários ou constantes que precisam ser feitos para garantir ainda mais a disponibilidade de um gerador de energia.

Algumas verificações são essenciais:

  • O nível do óleo do cárter;
  • Nível do combustível do tanque – o nível baixo poderá provocar a entrada de ar no motor, dificultando a próxima partida dele;
  • Limpeza e o nível do líquido de arrefecimento do radiador;
  • O nível de óleo do motor e o nível do líquido de arrefecimento dele;
  • O nível de sujeira do filtro de ar em operações com muita poeira;
  • A qualidade do combustível. Ele deve ser de boa procedência, livre de impurezas e água e armazenado longe da chuva e de poeira;
  • Se há vazamentos de óleo e água;
  • O ruído do motor, que pode ser sinal de anormalidades no funcionamento.

Dica 4 da manutenção do seu gerador: tenha uma parceria especializada

Os cuidados diários são muito importantes e contribuem muito para o melhor funcionamento do seu gerador de energia.

Porém, existem cuidados mais técnicos que devemos ter, como por exemplo a análise de carga, o ajuste na potência e a manutenção nas vias de abastecimento, entre outros pontos

É comum algumas empresas manterem técnicos internos para todos estes cuidados, principalmente nas empresas que já possuem equipe técnica para seus equipamentos de produção. Porém, para as demais isso pode ser uma despesa muito alta para a frequência com que os serviços são feitos.

Você pode terceirizar esse serviço em lugares especializados para Manutenção de Geradores.

 

 

 

 

 

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *